Exposição “A Arte de Reciclar” patente na Casa da Cultura da Sertã
Sertã
2018-05-10 12:27:03
Povo da Beira

A Casa da Cultura da Sertã tem patente, até dia 31 de maio, a exposição “A Arte de Reciclar”. Da autoria de Ana Aguiar, estarão expostas diversas criações elaboradas com recurso a materiais diversos.

As peças apresentadas foram criadas com base na inspiração e no momento, revelando uma tendência para a realização de peças tradicionais que recriam monumentos, identidades rurais e culturais da região interior.

As técnicas utilizadas vão desde a modelagem, corte, colagem e pintura, recorrendo a materiais como telhas, filtros de café usados, pedras, tiras de papel, azulejo, entre outros.

Ana Paula Dias Aguiar é natural de Lisboa, tendo residido em Queluz até aos 18 anos. O período de férias era sempre passado no concelho de Vila de Rei, de onde era natural a sua mãe. Pediu-lhe que esta lhe ensinasse a arte da avó: fazer mantas, tapetes e almofadas em retalhos.

Não podendo viver em exclusivo do rendimento do artesanato, tirou um curso técnico na área da construção civil, trabalho que ainda hoje desempenha.

O gosto pelo artesanato sempre se manteve, pelo que, passados 20 anos resolveu tirar da “gaveta” o projeto que há muito tempo tinha vontade de continuar: o artesanato como uma arte de criar, transformar e reciclar. Com os seus trabalhos, sensibiliza para a importância da reciclagem e reutilização, dando-lhes nova vida através das suas peças.

A exposição poderá ser apreciada até 31 de maio, na Casa da Cultura da Sertã, de segunda a sexta-feira das 9 horas às 17h30.



Última edição