Feira do Feijão-Frade chamou milhares de pessoas à Lardosa
Castelo Branco
2018-10-10 05:22:09
Povo da Beira

A freguesia da Lardosa recebeu durante o fim-de-semana, de 5 a 7 de outubro, a 13ª edição da Feira do Feijão Frade. Este é o certame mais antigo do concelho e, mais uma vez, atraiu gente oriunda não só do concelho, mas de vários concelhos limítrofes e do país.

Este ano com mais condições para expositores e visitantes, a Feira mostrou que é já uma iniciativa bem consolidada.

Milhares de pessoas visitaram o espaço durante os três dias, atraídos não só pela excelência do produto que dá nome ao certame, mas também pela animação cultural.

Na inauguração Luís Correia, Presidente da Câmara Municipal de Castelo Branco, reafirmou a importância para a economia da freguesia da produção do feijão-frade. "É um produto de futuro".

"O concelho no seu todo está mais dinâmico, e estes certames são a prova disso mesmo. São eventos que promovem os nossos produtos, a nossa cultura e também a nossa paisagem", afirmou o autarca.

Para além do feijão-frade, que caracteriza a freguesia e dá nome ao evento, o visitante pôde adquirir outros produtos da região, como o mel, pão ou os enchidos. Na zona de restauração, não faltaram pratos confecionados com o feijão-frade.

Tal como nas edições anteriores, realizou-se o passeio de bicicletas antigas, no sábado, e o passeio pedestre, no domingo. Duas iniciativas que contaram com a participação de centenas de pessoas.

No domingo teve lugar o concurso, organizado pelo CATAA, "Momento Doce com feijão frade". Um concurso que contou com 12 participantes que souberam inovar e mostrar a versatilidade do feijão-frade.

Maria Fernanda Santos, com 53 anos, natural da Lardosa, foi a grande vencedora, apresentando os Folhados de Feijão-Frade.



Última edição