Cogumelos e Trufas são o tema da próxima sessão de “Cafés Com Ciência – Sertã”
Sertã
2018-11-17 11:07:04
Povo da Beira

“Cogumelos e trufas para dietas mais saudáveis e para recuperar, gerir e proteger a Floresta” é o tema da próxima sessão de “Cafés Com Ciência – Sertã”, que se realiza a 27 de novembro no SerQ – Centro de Inovação e Competências da Floresta, na zona industrial da Sertã, a partir das 18 horas.

A conversa será dinamizada por Anabela Marisa Azul, do Centro de Neurociências e Biologia Celular da Universidade de Coimbra.

Os cogumelos e as trufas representam a frutificação de alguns grupos de fungos em ambiente terrestre. Alguns destes fungos estabelecem simbioses com raízes de plantas e formam uma rede de transporte na terra... mas não só.

A rede formada pelo micélio do fungo leva nutrientes no solo para a planta, em troca o fungo recebe açúcares produzidos pela planta. A saúde e a rentabilidade da floresta dependem desta simbiose. Mas existem outros fungos que são decompositores.

Para estes, os resíduos da floresta são mais que bem-vindos. E deste modo, toneladas de resíduos poderão ser a base para cultivar cogumelos em larga escala, ou mesmo para produzir novos materiais.

Os cogumelos e as trufas podem sustentar vários sectores da indústria, desde a alimentar e agro-florestal, a biotecnologia, ou a medicina. Não menos importante, os cogumelos e as trufas protegem a floresta do fogo.

Anabela Marisa Azul, Investigadora do Centro de Neurociências e Biologia Celular, Universidade de Coimbra, é doutorada em Biologia, especialidade em Ecologia, possui ampla experiência em Biologia, Ecologia e Biotecnologia de Fungos. Simultaneamente, procura desenvolver estratégias de comunicação e promoção de cultura científica, e investigação translacional, que combinam metabolismo, saúde e sustentabilidade.

Os “Cafés com Ciência-Sertã” são conversas informais sobre ciência, abertas a todas as idades, promovidas pelo SerQ em parceria com o Município da Sertã e o Exploratório - Centro de Ciência Viva de Coimbra. A próxima sessão e última do ano realiza-se no dia 18 de dezembro, às 18 horas e focará a temática de exploração de petróleo.



Última edição