Instituto Politécnico de Castelo Branco aprova orçamento de 22,5 ME para 2019
Educação
2019-01-16 10:49:30
Povo da Beira

O Conselho Geral do Instituto Politécnico de Castelo Branco (IPCB) aprovou o plano de atividades e orçamento para 2019, no valor de 22,5 milhões de euros e o Plano estratégico da instituição para o quadriénio 2019-2022.

Em comunicado, o IPCB explica que tem como objetivo prosseguir o caminho de crescimento e desenvolvimento sustentado nas suas diferentes valências, a nível nacional e internacional.

O orçamento da instituição para 2019 é de 22,5 milhões de euros, tanto em previsões de receita, como em dotações de despesa, sendo que as receitas totais previstas integram, para além das transferências do orçamento de Estado, receitas próprias tais como as que respeitam à cobrança de propinas e ainda outras receitas com origem na venda de bens e na prestação de serviços.

O documento realça, no capítulo das despesas, os custos com o pessoal que representam 89% do orçamento total e realça as valorizações salariais, cujo impacto previsto acumulado (2018 e 2019) é da ordem dos 420 mil euros.

Em termos percentuais, as transferências do Orçamento de Estado representam 71% do total das receitas previstas para 2019, sendo que foi ainda inscrita uma dotação extraordinária de 06% do orçamento total que representa o défice previsto para o ano em causa.

O Conselho Geral aprovou ainda o Plano Estratégico da instituição para o quadriénio 2019-2022.

O documento inclui as principais linhas de orientação estratégica para os próximos quatro anos, no sentido de fomentar a evolução da instituição para um nível organizacional interno “mais eficaz e mais eficiente” e que tem ainda como objetivo “captar mais jovens para o ensino superior, nacionais e internacionais”.



Última edição