Festival de Música do Pinhal termina este fim-de-semana
Oleiros
2019-05-09 11:02:43
Povo da Beira

O Festival de Música do Pinhal, que arrancou no passado dia 27 de abril em Oleiros e tem percorrido o concelho, numa política de levar a cultura de forma descentralizada a todo o território, encerra no próximo fim-de-semana.

Dia 10, sexta-feira, durante todo o dia, no Auditório da Canta Casa da Misericórdia de Oleiros, realizar-se-ão vários workshops de percussão destinados à população escolar, culminando com o concerto de percussão “Merak Trio”, pelas 21 horas, no mesmo local.

No dia seguinte, sábado, a freguesia de Orvalho receberá o concerto “La Renaissance”, também pelas 21 horas, na Igreja Matriz daquela localidade. Em ambos os concertos, a entrada é livre.

Com a direção do maestro Luís Cipriano, o concerto de encerramento deste Festival, no próximo sábado, tem como base a divulgação da Música de variadas épocas, do século XIV ao XVII, pretendendo recriar o ambiente musical vigente, quer na vertente palaciana, quer na vertente popular.

Neste período, muitos foram os compositores que escreveram para vozes, marcando assim o início e o desenvolvimento da polifonia.

O concerto está a cargo do Coro Misto da Beira Interior e dá a voz a compositores como Arbeau, Duffay, Gabrieli, Arcadelt, Pierre Certon, entre outros, sem esquecer os portugueses Pedro Escobar, Estevão de Brito ou mesmo o rei D. João IV, também ele compositor.

De modo a recriar o ambiente vigente naqueles séculos, todo o Coro estará vestido à época e acompanhado por instrumentos da altura, como Percussão, Flauta Doce, Viola da Gamba e Alaúde.

Todas as obras serão apresentadas e explicadas de modo a que o concerto seja também, para além de um tempo de lazer, uma fonte de aprendizagem.

Recorde-se que o Festival de Música do Pinhal integra o projeto intermunicipal Beira Baixa Cultural, promovido pela Comunidade Intermunicipal da Beira Baixa e Municípios constituintes, sendo cofinanciado pelo Fundo de Desenvolvimento Europeu / Portugal 2020.

A iniciativa incluiu a realização de seis concertos, uma Master Class de Trompete e vários workshops de Percussão destinados à população escolar, sempre numa vertente pedagógica que vai de encontro à forte aposta deste Município no âmbito do ensino da Música.



Última edição