Exposição “Beira Baixa sob perspectiva” chega a Idanha-a-Nova
Idanha-a-Nova
2019-11-28 11:20:04
Povo da Beira

A exposição “Beira Baixa – sob Perspectiva”, que atravessa os territórios que integram a Comunidade Intermunicipal da Beira Baixa (CIMBB), chega este sábado, dia 30 de novembro, pelas 20h30, à sua etapa final e forma completa no Centro Cultural Raiano, em Idanha-a-Nova.

Depois da passagem por Proença-a-Nova, Vila Velha de Rodão, Oleiros, Penamacor e Castelo Branco, o epítome de todos estes momentos apresenta-se agora, em fim de ciclo, reunindo, num único lugar, todas as imagens capturadas por Valter Vinagre e Pedro Martins no extenso território da Beira Baixa.

Acompanhadas pelas paisagens sonoras definidas por Filipe Faria a partir de cada município, sintetizam o objetivo maior deste projeto: “desenvolver um sentimento de pertença territorial, feito da partilha de valores e anseios comuns, e assim demonstrar, de uma forma efetiva, que a cultura é um instrumento essencial na afirmação da nossa capacidade de trabalhar em conjunto, no processo de adquirir maior escala e melhores competências territoriais”.

O conceito original é de Paulo Longo/Centro Cultural Raiano e a curadoria de Mariana Salgueiro e do Centro Cultural Raiano.

A inauguração é então no próximo sábado, 30 de novembro, às 20h30, no Centro Cultural Raiano, onde a exposição estará patente até 31 de janeiro de 2020.

Esta exposição realiza-se no âmbito do Projeto Beira Baixa Cultural, sendo cofinanciado pelo Centro 2020, Portugal 2020 e União Europeia, através do FEDER (Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional).

A inauguração da exposição integra o programa da Noite Cheia do Fora do Lugar – Festival Internacional de Músicas Antigas, que no dia 30 conta ainda com concertos, gastronomia e cinema documental, a partir das 20h30.



Última edição